Gerardo de Majela
Sobre o autor

Gerardo de Majela nasceu em Parnaíba, no Piauí. Sua juventude foi passada em Maceió, nas Alagoas. Algum tempo depois, ainda jovem, foi para Salvador e, logo a seguir, para São Paulo. Os próximos destinos foram Belo Horizonte, em Minas Gerais, e, por fim, o Rio de Janeiro, onde reside há mais de 50 anos.
Fez o bacharelado em Direito, pela Universidade Estácio de Sá, cursando depois o mestrado e o doutorado na Faculdade Nacional de Direito do Rio de Janeiro.
Pertenceu ao quadro docente da Escola Naval, lecionando Direito Penal na Universidade Estácio de Sá, nas ausências eventuais do então titular da cadeira, o Desembargador Dalton de Castro Oliveira Costa. 
Como advogado, atuou com grande destaque nos Tribunais do Júri, sendo a sua fotografia incluída na Galeria dos Imortais, homenagem prestada pela Presidência do I Tribunal do Júri. 
Publicou as obras Caminhando no passado, Uma rua estreita, Um clarão no horizonte, A porteira e Era uma vez (como antigamente), obras que sempre obtiveram junto a crítica especializada elogios pela sua forma de retratar locais e personagens, revelando uma percepção próximo da realidade.  
É casado, pai de três filhos, avô de sete netos e um bisneto. 

Seus Livros