Anahyde dos Santos Muniz
Sobre o autor

Anahyde dos Santos Muniz, Dona Tuca, nasceu em Laranjeiras, no Rio de Janeiro. É conhecida na Cidade de Deus como Dona Tuca, tem 85 anos, é filha de Fernando dos Santos e Maria Joana Barbosa, já falecidos. Além disso, é mãe de quatro filhos, tem dez netos e quatro bisnetos.

Poetisa, atriz, artista plástica, cantora, compositora, avó, mãe e mulher da Cidade de Deus, descobriu sua veia artística desde pequena: sua mãe era lavadeira na casa do cantor, pianista e compositor de bossa norma e samba-canção Dick Farney, falecido em 1987.

A família do Dick Farney protegia sua mãe da grosseria do marido. Assim, dona Tuca, ainda pequena, ficava na casa dos Farney. Dormia com a vovó Glorinha, que era a avó da família. Também sempre via os irmãos Dick e Cyll Farney fazendo ensaios com as cantoras do rádio. Pequenina, ela ficava olhando pela porta e perguntava: Posso ficar aqui? E eles, carinhosamente, deixavam. Dessa forma, a menina aprendeu alguns gestos feitos pelas artistas.

Trabalhou como doméstica para sustentar sua família, ainda foi voluntária durante anos nos projetos dedicados a terceira idade. Hoje, participa do Teatro Retiro dos Artistas, do Sarau Poesia de Esquina e do Programa CDD em Cena.

O hino da terceira idade é uma marchinha de sua autoria, foi premiado pelo Maestro Paulo da Hora Alcântara, que é autor da melodia. Tuca recebeu por esta letra o certificado de Mulher Compositora.

Ao longo de sua trajetória, ela foi citada em inúmeras em reportagens em jornais cariocas, fazendo da arte um caminho para se aproximar dos idosos e desenvolver o seu trabalho voluntário. Por fim, recebeu um troféu juntamente com o sambista e compositor Cartola.

Seus Livros